12º Batalhão de Bombeiros alerta proprietários rurais da região quanto à importância da prevenção contra queimadas

0

Todos já devem ter sofrido com fuligem, fumaça de queimadas realizadas em lotes vagos, áreas de preservação, ou até mesmo terem seus bens e vidas sob risco por conta desse tipo de ato, que infelizmente é comum e traz sérios problemas.

A queimada na maioria das vezes é causada pelo homem, no intuito de realizar a queima de lixo ou limpeza de um lote, o problema é que na maior parte a vegetação está seca e alta, se projetando em alguns casos para edificações confrontantes.

No período atual, com o agravamento da seca e aumento da temperatura e dos ventos, as áreas rurais tornam-se muito vulneráveis aos incêndios em virtude das grandes áreas abertas, muitas vezes sem aceiros entre as divisas das propriedades.

Desta forma pastos, plantações, reservas, pomares, quintais e edificações rurais muitas vezes se misturam, tornando-se por vários hectares uma faixa constante de vegetação, facilitando a propagação das chamas e dificultando os trabalhos de extinção dos incêndios.
Além de trazer sérios riscos aos transeuntes de rodovias e estradas vicinais, os incêndios em áreas rurais ainda trazem prejuízos à fauna e à flora.

Durante todo o ano de 2019, o 12º Batalhão de Bombeiros com sede em Patos de Minas atendeu um total de 288 ocorrências referentes a incêndios em vegetação. Em 2020, até o dia 10 de agosto, já foram atendidas 216 ocorrências desta natureza e agora inicia-se o período mais critico, por isso é importante que a população redobre a atenção e tome medidas preventivas para não se tornarem vítimas.

Na cidade, caso seja vizinho de lotes vagos, o ideal é não jogar lixo nos mesmos, e caso o proprietário não tome as medidas previstas pelo código de postura do município (manter lote limpo), faça ao longo da divisa um aceiro para proteção da sua edificação.

Na zona rural o maior aliado na proteção contra a propagação dos incêndios e também o maior facilitador dos trabalhos de combate às chamas é o aceiro que é uma medida preventiva caracterizada pela criação de uma faixa sem vegetação medindo de 01 a 02 metros de largura em torno das cercas de divisas, plantações, currais, reservas florestais, casas, galpões entre outros bens. Com o aceiro consegue-se compartimentar as áreas impedindo ou dificultando a propagação do incêndio e criando pontos a partir dos quais os Bombeiros podem iniciar o combate às chamas.

Assim como na área urbana, também é proibido queimar lixo em fazendas e fazer limpeza de áreas rurais utilizando o fogo, visto que estas práticas frequentemente acabam por gerar grandes incêndios florestais.
Essas medidas trarão segurança, porém devemos conscientizar de que a queimada traz inúmeros prejuízos e utilizarmos de métodos diferentes para solução de problemas como limpeza de áreas e descarte correto de lixo.

Vale ressaltar que queimada é crime, caso observe alguém realizando esse tipo de ação acione a Policia Militar através do telefone 190. Em casos de queimadas, o Corpo de Bombeiros poderá ser acionado através do telefone 193 para extinção do incêndio.

 

WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.47.50 WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.47.49 (2) WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.47.49 (1) WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.47.49 WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.47.08 (1) WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.47.08 WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.55.44 (2) WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.55.44 (1) WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.55.44 WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.52.49 WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.52.48 (1) WhatsApp Image 2020-08-14 at 19.52.48

Campartilhe.

Deixe Um Comentário

Facebook login by WP-FB-AutoConnect