Em choque com governo Lula, Arthur Lira vê primo ser exonerado de cargo no Incra

0

Wilson César de Lira Santos, primo do presidente da Câmara, foi exonerado do cargo de superintendente regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Alagoas

Wilson César de Lira Santos, primo do presidente da Câmara, foi exonerado do cargo de superintendente regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Alagoas

A tensão entre o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), e o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pode ganhar novos contornos a partir desta terça-feira (16).

Em decisão publicada no Diário Oficial da União, o Executivo exonerou Wilson César de Lira Santos, primo do mandatário da Câmara, do cargo de superintendente regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Alagoas.

A exoneração do primo de Lira se dá poucos dias depois de o deputado ter subido o tom nas críticas ao ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha (PT-SP)a quem chamou de “incompetente” e “desafeto\\\\”

As declarações do presidente da Câmara foram dadas no dia seguinte à manutenção da prisão do deputado federal Chiquinho Brazão (sem partido-RJ), apontado pela Polícia Federal (PF) como um dos mandantes do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), em março de 2018.

O governo apoiou a manutenção da prisão do parlamentar. Lira foi questionado se teria ficado “enfraquecido” com o resultado da votação no plenário da Câmara. Alguns de seus maiores aliados articularam pela derrubada da prisão de Brazão.

“Essa notícia de hoje, que você está tentando verbalizar porque os grandes jornais fizeram, foi vazada pelo governo e, basicamente, pelo ministro Padilha, que é um desafeto, além de pessoal, incompetente”, disparou o presidente da Câmara.

“Não existe partidarização. Eu deixei bem claro que ontem a votação é de cunho individual, que cada deputado é responsável pelo voto que deu. Não tem nada a ver”, completou Lira, na ocasião.

Por: Fabio Matos

Campartilhe.

Deixe Um Comentário

Facebook login by WP-FB-AutoConnect